Você está visualizando atualmente Como Fazer Um Minijardim De Ervas: Dicas Para Jardim E Apartamentos

Como Fazer Um Minijardim De Ervas: Dicas Para Jardim E Apartamentos

  • Categoria do post:Jardinagem / RDA

como fazer um minijardim de ervas

Você está tentando consumir cada vez menos alimentos com agrotóxicos e quer começar a cultivar suas próprias ervas em casa? Saiba que não está sozinho, pois é cada vez maior o número de pessoas que estão cultivando suas próprias ervas, seja em apartamentos ou em jardins. Você vai ver algumas sugestões de espécies que crescem melhor em sombra e outras que precisam de algumas horas de luz solar ao longo do dia. Com as dicas que separamos você terá um guia de como fazer um minijardim de ervas muito saudável e sem aditivos nocivos à sua saúde.

Sumário

Minijardim ao Ar Livre

Se você tem um pequeno espaço de jardim ou um quintal, pode cultivar ervas aromáticas frescas que vão dar muito sabor e aroma aos seus pratos.

Escolha um local ensolarado, pois as ervas precisam de pelo menos seis horas de sol por dia. 

Cuide para que a terra seja preparada com antecedência. É recomendável revolver a terra para que ela fique fofa e fácil de trabalhar. Ao mesmo tempo, todo o material da superfície, como folhas e galhos caídos, é levado para baixo da terra, o que ajudará no processo de decomposição.

Além disso, a terra preparada antes do plantio deixa o solo mais drenado. Isso impede a formação de bacias de água que podem prejudicar as raízes e o crescimento das ervas.

Ervas para jardim

  • Manjericão: esta é uma erva de sabor marcante que serve de tempero para diversos pratos, tanto salgados quanto doces. Seu ciclo de vida é anual. E para aproveitar ao máximo seu sabor e aroma, interrompa a floração assim que ela surgir.
  • Hortelã: perfeita para chás, sucos e coquetéis, a hortelã adiciona um aroma refrescante a saladas e sobremesas. Existem diversas espécies de hortelã dentre elas, espécies chamadas de menta. A diferença entre os sabores é bem sutil. Além disso, dependendo da espécie, você pode também cultivá-la na sombra.
  • Alecrim: prefira cultivar o alecrim através de estacas, pois a germinação pelas sementes pode ser difícil para jardineiros iniciantes. Esta é uma erva ótima para assar carnes, peixes e batatas e adiciona um sabor amadeirado de pinho.
  • Tomilho: além do seu sabor para uso culinário, o tomilho é excelente para digestão. É uma erva que dura muitos anos se bem cuidada Ela tem um sabor forte e terroso e é perfeita para ensopados, sopas e marinadas.
  • Sálvia: ela prefere solo mais arenoso e pouca umidade. embora seja uma planta perene, você vai conseguir extrair o melhor do seu sabor e aroma apenas até o terceiro ano. Após esse tempo é melhor substituir sua planta. Esta erva tem um sabor quente e picante e é perfeita para assar carnes e dar sabor aos recheios.

Minijardim em Apartamento

Se você mora em apartamento, provavelmente não tem muitas opções de luz solar direta. Primeiramente, avalie se existe alguma janela ou parapeito da sua casa que seja banhada por luz solar em algum momento do dia. Esse seria o melhor cenário para o cultivo, pois apenas algumas horas de sol fazem com que sua planta se desenvolva melhor.

Por outro lado, existem algumas espécies de ervas que gostam mesmo da sombra. Essas ervas geralmente são cultivadas em jardins sob a sombra de plantas maiores. Ao passo que quando recebem luz direta do sol podem ficar murchas ou com as folhas queimadas. Sendo assim elas são perfeitas para ambientes de sombra.

É muito importante escolher um substrato de qualidade, pois isso vai ajudar imensamente no crescimento saudável do seu minijardim de ervas. Existem excelentes marcas à venda, procure na sua cidade ou na internet aquela que melhor “cabe no seu bolso”.

Escolha vasos com orifícios de drenagem, uma vez que as raízes das ervas cultivadas em vasos tendem a ficar mais tempo umedecidas. Assim os orifícios garantem o escoamento do excesso de água. 

Os pratinhos que ficam embaixo do vaso devem ser esvaziados após a rega. Isso mantém o excesso de umidade longe das raízes da sua planta.

Ervas para apartamento

  • Cebolinha: a cebolinha é uma erva resistente que cresce bem em vasos, desde que tenha um substrato muito bem drenado, pois gosta de regas constantes. É excelente para adicionar um leve sabor de cebola a saladas e sopas.
  • Coentro: ele precisa de regas regulares quando jovem, e um local com bastante luz, de preferência perto das janelas. Ele adiciona um sabor fresco e cítrico à salsa, guacamole e pratos asiáticos, e é um excelente tempero para peixes.
  • Salsinha: ela também precisa de muita luminosidade e gosta de substrato rico em matéria orgânica. É uma das ervas mais consumidas como tempero, adicionando sabor a molhos, sopas e saladas, além de vários tipos de preparos culinários.
  • Orégano: ele prefere solo mais calcário com a presença de um pouco de areia no substrato. É muito utilizada para adicionar sabor aos pratos, sobretudo os de origem italiana. 

Enfim, para montar seu minijardim de ervas você pode misturar duas ou três espécies em um mesmo vaso que tenham as mesmas características de cultivo. A hortelã e seus cultivares não gostam de companheiros no mesmo recipiente. Ela tem raízes agressivas que acabam impedindo o desenvolvimento de outras espécies.

E se você tem um jardim pequeno e quiser conhecer algumas dicas, leia esse outro artigo sobre Como Decorar Um Jardim Pequeno.

Veja Também:

Gostou das dicas sobre como fazer um minijardim de ervas? Então compartilhe com um amigo e em seguida deixe suas estrelinhas abaixo.

Esta publicação Como Fazer Um Minijardim De Ervas: Dicas Para Jardim E Apartamentos foi referenciada primeiro no blog Terragam.

Visited 11 times, 1 visit(s) today